Ouvir Texto Stop

O Conselho Municipal de Cultura de Angico reuniu-se nesta última quinta-feira (25) na Câmara Municipal de Angico para deliberarem assuntos de extrema importância para a política cultural de 2024.

Na oportunidade reuniram-se membros titulares e seus respectivos suplentes para discussão dos assuntos previsto na pauta. A reunião foi presidida pela Maria Rita Barbosa Louriano (presidente) que explanou os assuntos abordados, dentre estes, avaliação da 1ª Conferência Municipal de Cultura, leitura e proposição de alterações da minuta do Plano Municipal de Cultura e elaboração do Calendário Cultural de Angico 2024.

O conselho tem em seu regimento a obrigatoriedade de reunir-se trimestralmente, porém, reúne extraordinariamente sempre que possível. Os resultados dos assuntos debatidos foram encaminhados aos responsáveis, uma vez que precisa de análise das decisões para serem homologadas.

A Conferência Municipal de Cultura, que resultou no Plano Municipal de Cultura, foi avaliada e o resultado desta será encaminhada para a Secretária Municipal de Cultura, para análise e proposição de estratégias de solução dos problemas encontrados.

Outro fator abordado na reunião, como citado anteriormente, foi a leitura e análise da minuta de lei que cria o PMC – Plano Municipal de Cultura, documento este elaborado tendo como base a lei 12.343 de 2010 que institui o Plano Nacional de Cultura, a Portaria Minc nº 45 de 2023 que Convoca a Conferência, além de outros documentos orientadores. A minuta analisada pelo conselho foi encaminhada a Secretaria Municipal de Cultura para que esta dê os encaminhamentos necessário para sua sanção.

Por último e não menos importante, foi a análise do calendário municipal de políticas culturais. A minuta deste calendário servirá como base para o trabalho administrativo, uma vez que as ações culturais e de demais eventos de outros órgãos passam por um planejamento, o que exige um calendário para que não haja problemas de planejamento de logística e conflitos de datas e horários.